21 de nov de 2011

VALENTINO INAUGURA MUSEU VIRTUAL

Na foto, uma das galerias do museu que o estilista italiano criou para contar seu legado na moda
Foto: Divulgação


MICHELLE ACHKAR
A grife Valentino prepara o lançamento de um espaço para preservar seu legado na moda: um museu. A diferença é que ele será virtual. O criador da marca, Valentino Garavani, e seu sócio Giancarlo Giammetti disponibilizam a partir de dezembro o acesso a arquivos virtuais sobre a empresa, suas principais criações - desde o desenho até personalidades que vestiram as peças-, e a vida do estilista, que se aposentou em 2008.
Um vídeo disponível a partir de hoje pelo endereço valentino-garavani-archives.org conta como será o projeto do Valentino Garavani Virtual Museum. "Isso é parte do meu legado. Estou feliz que milhares de estudantes, jovens estilistas e pessoas da moda vão poder ver e estudar meu trabalho em todos os seus aspectos, de maneira fácil e acessível. Mas também é importante lembrar coisas do passado para reviver a moda que moldou nossas vidas. Chamaria isso de memória do futuro", disse à versão online do WWD.
O museu abrange 50 anos da história de vida de Valentino e será visitado como se fosse uma instalação de verdade, com galerias e espaços que dividem os temas. Segundo a marca, se fosse real teria mais de 30 mil metros quadrados. Os principais vestidos criados pelo estilista, cerca de 300, foram fotografados e animações permitem visualizá-los em todos os ângulos. Há ainda informações sobre materiais, costura e suas histórias, incluindo que mulheres os vestiram, como Elizabeth Taylor, Jacqueline Kennedy, Sophia Loren e mais recentemente Julia Roberts. Desenhos, ilustrações, campanhas, fotos de editoriais, imagens de famosas em eventos importantes e vídeos também integram o acervo do museu.
No dia do lançamento, a dupla fará uma apresentação do projeto em Nova York, que também será transmitida pelo YouTube. Uma festa no dia 7 de dezembro marca o lançamento oficial do projeto.