8 de mai de 2013

EXPOSIÇÃO EM PARIS TRAÇA A HISTÓRIA DO MÍTICO CHANEL Nº5

O universo do mítico Chanel Nº5 é apresentado até 5 junho, no Palais de Tokyo, em Paris, numa retrospetiva única que traça a história e revela os mistérios da lendária fragrância idealizada por Gabrielle Coco Chanel em 1921. Com curadoria de Jean-Louis Froment, a exposição "N°5 CULTURE CHANEL" reúne obras de vários artistas, incluindo do pintor espanhol Pablo Picasso, do escritor francês Jean Cocteau e do compositor russo Igor Stravinsky, assim como peças de arquivo da casa francesa.

Chanel Nº5 foi criado pelo perfumista Ernest Beaux. Coco Chanel encomendou-lhe um perfume que "cheirasse a mulher" e que não se pudesse comparar a outras fragrâncias que na época eram feitas a partir do aroma de uma única flor. Chanel Nº5 contém 80.

Porquê Nº5? Porque foi a quinta amostra selecionada entre as 24 apresentadas a Coco Chanel pelo perfumista. Chanel escolheu Nº 5, por ser o seu número da sorte.

Desde a sua criação, a fragrância teve como rostos grandes divas como Marilyn Monroe, Catherine Deneuve, Carole Bouquet, Nicole Kidman, Audrey Tatou, e mais recentemente Brad Pitt.

A exposição inclui também um “Olfactory Workshop”, onde os visitantes podem tentar desvendar as essências de Chanel Nº5.