29 de jan de 2013

Estrelas imunes ao frio


Os vestidos usados pelas estrelas de Hollywood na cerimónia de entrega dos Globos de Ouro puseram em evidência o corpo, com os modelos justos e sem ombros a destacarem-se na passadeira vermelha. Uma mostra das criações das principais casas de moda europeias que nem o frio de Los Angeles impediu. 
dummy
Estrelas imunes ao frio
É preciso dar a mão à palmatória às maiores celebridades de Hollywood, que parecem imunes ao frio. Apesar das baixas temperaturas que se fizeram sentir em Los Angeles no passado dia 13 de janeiro, os ombros à mostra foram uma das tendências mais fortes nos Globos de Ouro, com as atrizes a não se coibirem de usar os modelos “leves e frescos” criados por grandes nomes da moda.
O coordenado branco de duas peças (um corpete e saia justa comprida) de Anne Hathaway, assinado pela Chanel, resume a tendência na perfeição, a que se juntou também Jennifer Garner, num vestido de Vivienne Westwood em vermelho vivo, sem alças e com um detalhe drapeado no decote, e Salma Hayek, que usou um vestido da Gucci sem alças, azul-escuro, com contas e um grande laço ao nível da anca. Todas as indumentárias mantiveram os detalhes ao mínimo, privilegiando antes os efeitos de luz e textura produzidos por lantejoulas e pedrarias.
O estilo sereia foi outro visual popular, como por exemplo com Taylor Swift, que envergou um vestido roxo criado por Donna Karan, e Jessica Alba, que causou impacto num modelo justo de Oscar de la Renta. Outra escolha sem alças, este vestido em tom de pêssego tem um decote em coração e uma cauda imponente.
Jennifer Lawrence também optou por um vestido sem alças, desta vez um Dior em cetim, com os detalhes mínimos que permitiram ao tom vermelho tomate ficar com o papel principal. A cor foi, de resto, uma das principais características dos vestidos de Raf Simons para Dior que estiveram na passadeira vermelha, como por exemplo com Marion Cotillard, que usou um vestido laranja vivo, sem alças e à altura da perna.
Em contraste, Kate Hudson deu nas vistas com um vestido com gola alta e uma abertura na frente. O modelo justo criado por Sarah Burton para a Alexander McQueen tinha a assinatura da casa de moda – os bordados dourados – na gola e na cintura. Helen Mirren optou por um visual semelhante num vestido Badgley Mischka. Preto com detalhes em dourado, o modelo deixou vislumbrar a figura invejável da atriz na perfeição. Outra personalidade de topo que optou por colocar as suas curvas em grande plano foi Naomi Watts, num vestido criado por Zac Posen, em cor de vinho, com mangas e uma longa cauda.
Rendas e pedrarias em tom da pele ou transparentes foram outras escolhas populares. Jennifer Lopez em Zuhair Murad pareceu mostrar muita pele, embora na verdade a maior parte fosse um forro em tom da pele sob renda enfeitada com lantejoulas, enquanto Amanda Seyfried em Givenchy escolheu um modelo semelhante, mas num look menos sensual, em tom da pele com um detalhe drapeado subtil. Já Amy Adams encarnou a tendência de quase a nu num curvilíneo Marchesa.
Rachel Weisz tentou uma abordagem diferente à transparência num vestido Louis Vuitton em renda preta, com um falso minivestido por cima. Nicole Kidman também escolheu uma opção alternativa, tendo usado um vestido de Sarah Burton para a Alexander McQueen, com a parte de cima a incorporar uma rede elástica e o topo com aplicações douradas.
Já Kerry Washington escolheu um vestido Miu Miu, com contas em forma de folha num modelo a direito quase completamente transparente, complementado com um mini-vestido interior cor da pele, e um falso decote profundo. Verdadeiros decotes profundos pontuaram alguns dos vestidos mais simples, incluindo o vestido preto em cetim Theory assinado por Olivier Theyskens usado por Katharine McPhee e o modelo Versace rosa-avermelhado envergado por Claire Danes.
Aberturas até à coxa foram igualmente uma característica muito destacada nos Globos de Ouro. Lea Michelle num pálido Elie Saab optou por pedraria no seu vestido justo com uma abertura estonteante, enquanto Rosie Huntington-Whiteley e Eva Longoria tornaram o look mais dramático com vestidos em preto de Saint Laurent e Pucci, respetivamente. Halle Berry em Atelier Versace foi uma das poucas estrelas a optar pelos estampados, mas o maior impacto veio da majestosa abertura.
Outras estrelas que escolheram padrões foram Lucy Liu – num floral vestido estilo princesa – e Sienna Miller. A atriz britânica, nomeada pelo seu papel em The Girl, usou um top e saia justa da Erdem. O detalhe principal foi o tecido: uma espécie de organza rendada com aplicações florais em tons suaves.
 
Fonte: WGSN