31 de mai de 2012

J.Lo é a mais poderosa


A cantora Jennifer Lopez já pode perguntar “Espelho meu, espelho meu, há alguém mais poderoso do que eu?”, que a resposta da Forbes é: não. A estrela de ascendência latina, que lançou uma coleção na Kohl’s, encabeça a lista das 100 celebridades mais poderosas, à frente de Oprah Winfrey e Lady Gaga.
 
dummy
J.Lo é a mais poderosa
 Jennifer Lopez encabeça a lista anual da Forbes das 100 celebridades mais poderosas do mundo, ultrapassando a também cantora pop Lady Gaga e a magnata dos media Oprah Winfrey.
A cantora, atriz e bailarina de 42 anos, que tem subido no mundo do entretenimento desde o seu humilde local de nascimento, o Bronx, em Nova Iorque, chegou surpreendentemente ao topo vinda do 50.º lugar do ano passado na lista que mede o poder pelo entretenimento tendo em conta os rendimentos, visibilidade nos media e popularidade nas redes sociais.
A Forbes estima os rendimentos de Lopez nos últimos 12 meses em 52 milhões de dólares (41,38 milhões de euros) e a sua chegada ao topo do ranking foi alimentada pela sua lucrativa performance enquanto júri no popular programa de televisão American Idol, uma nova linha de vestuário desenhada para a Kohl’s, um perfume com vendas estrondosas e milhões de seguidores no Twitter e no Facebook. Lopez acaba também de anunciar a sua primeira tournée mundial, juntamente com Enrique Iglesias, que tem paragem em Portugal, no Pavilhão Atlântico, em Lisboa, no dia 5 de Outubro.
Oprah Winfrey, que admitiu estar a ter dificuldades com o seu canal de televisão OWN TV após ter terminado o seu talk-show “The Oprah Winfrey Show” no ano passado, depois de 25 anos no ar, manteve a segunda posição do ano passado, com rendimentos estimados em 165 milhões de dólares.
A estrela pop canadiana Justin Bieber, de 18 anos, também manteve a terceira posição onde se estreou na lista do ano passado, com um rendimento de 55 milhões de dólares, com a Forbes a divulgar que ele se tornou num investidor sério, cujo portefólio inclui o serviço de partilha de música Spotify.
Outra estrela pop, Rihanna, chegou pela primeira vez à lista, com um rendimento estimado em 53 milhões de dólares, devido ao sucesso no ano passado de músicas como “We found love” e “Talk that talk”, ao mesmo tempo que conseguiu acordos lucrativos com a Nivea e Vita Coco, referiu a Forbes.
Caindo quatro posições em comparação com o ano passado, Lady Gaga ficou no quinto lugar, com um rendimento de 52 milhões de dólares, enquanto a nova júri do programa de televisão “The X Factor”, Britney Spears, regressou à lista após um ano de hiato, aterrando no n.º 6, com um rendimento estimado em 58 milhões de dólares graças à sua bem-sucedida tournée.
A socialite Kim Kardashian entrou para a posição 7. Ganhou 18 milhões de dólares – o valor mais baixo do top 10 – mas atraiu muita atenção dos media devido ao espalhafatoso casamento e divórcio. A cantora Katty Perry ficou no oitavo lugar
A terminar o top 10 está Tom Cruise, no n.º 9, com o regresso bem sucedido do filme “Missão Impossível – Ghost Protocol”, que gerou receitas de bilheteira de 700 milhões de dólares, e Steven Spielberg, cujas ações na televisão e no cinema renderam-lhe uns estimados 130 milhões de dólares, colocando-o no n.º 10.
A cantora britânica Adele entrou na lista para n.º 24, depois de ter vencido seis prémios Grammy e regressado às atuações ao vivo após a cirurgia nas cordas vocais.
Entre os grandes nomes que abandonaram da lista está Charlie Sheen, devido à sua saída da série de televisão “Dois Homens e Meio”. O seu substituto na série, Ashton Kutcher, entrou para n.º 51.
O poder de rendimentos coletivos do top 100 caiu ligeiramente em 2012, com um total de 4,4 mil milhões de dólares este ano, em comparação com os 4,5 mil milhões de dólares em 2011.
Fonte: Reuters