12 de jan de 2015

FUNDAÇÃO HELMUT NEWTON COMEMORA 10º ANIVERSÁRIO

Para comemorar o seu 10º aniversário, a Fundação Helmut Newton, em Berlim apresenta “Helmut Newton: Permanent Loan Selection”, uma mostra de 200 obras únicas deste génio da fotografia, adepto do voyeurismo e da sensualidade, cujo estilo erótico continua a ser uma importante referência para as novas gerações de fotógrafos de moda.

No outono de 2003, Helmut Newton doou centenas de fotografias originais à fundação que viria a inaugurar em meados de 2004 com o seu nome, com o objetivo de mostrar ao mundo o seu olhar singular. Duzentas dessas obras estão agora em exibição em três salas da fundação, agrupadas de acordo com os três géneros principais do trabalho de Helmut Newton: retratos, moda e nus. Entre as obras expostas estão inúmeros retratos de personalidades bem conhecidas, tais como Catherine Deneuve, Paloma Picasso, Karl Lagerfeld e David Bowie. As fotografias de moda são, maioritariamente, de editoriais que o fotógrafo realizou para revistas de renome nas décadas de 1970 e 1980. Os seus famosos nus datam de 1980 e cinco deles adornam as paredes do hall de entrada da fundação desde a sua inauguração em 2004.

Finalmente, na sala June, os visitantes podem ver uma seleção de provas de contato ampliadas que oferecem um olhar único sobre o processo de trabalho de Helmut Newton.


HELMUT NEWTON (1920-2004) manifestou desde muito cedo um forte interesse por fotografia. Durante a adolescência trabalhou com o famoso fotógrafo Yfa, em Berlim. Na década de 1940, abriu um estúdio de fotografia em Melburne e pouco tempo depois casou com a atriz June Brown, que também se tornou fotógrafa, usando o nome Alice Springs. Na década de 1960, o casal mudou-se para Monte Carlo e Helmut Newton começou a afirmar-se no mundo da moda, produzindo criativos e divertidos editoriais para as mais conceituadas revistas inglesas, como a Vogue. Mas foi no início dos anos 1970 que Newton encontrou a estética que o tornou tão famoso. Os seus provocadores retratos de mulheres nuas - Newton adorava fotografar mulheres altas, de ombros largos e longas pernas - foram muitas vezes considerados escandalosos.

Helmut Newton revolucionou a fotografia de moda com as suas controversas imagens. O seu trabalho apareceu em várias publicações, desde a Vogue ao The New Yorker, e o seu nome ficou associado a vários designers, em especial a Yves Saint Laurent.

“O seu mundo de imagens glamourosas era simultaneamente chocante e atraente” declarou Tom Ford ao International Herald Tribune, aquando da morte de Newton, em 2004. “A ideia de Tom Ford de uma mulher forte com maquilhagem, cabelo arranjado e saltos altos foi muito influenciada pela fotografia de Helmut Newton, tal como a roupa de Saint Laurent... Procurámos sempre algo provocador, surpreendente e perverso em Helmut Newton”, afirmou Anna Wintour.